• A ergonomia tem objetivos básicos que são: possibilitar o conforto ao indivíduo e proporcionar a prevenção de acidentes e do aparecimento de patologias específicas para determinado tipo de trabalho.





Qual o papel da Ergonomia para a saúde?

A ergonomia se preocupa com as condições gerais de trabalho, tais como, a iluminação, os ruídos e a temperatura, que geralmente são conhecidas como agentes causadores de males na área de saúde física e mental, mas que o estudo procura traçar os caminhos para a correção. O seu objetivo é aumentar a eficiência humana, através de dados que permitam que se tomem decisões lógicas.

 

A falta e suas conseqüências

Uma das causas da baixa produtividade pode ser o desconforto, que entre as suas várias causas está diretamente ligada à adequação do corpo frente a um determinado equipamento. A questão da iluminação, que além de poder causar danos à visão, contribui significativamente na baixa pessoal da capacidade de produção de uma pessoa, quer seja em um escritório, indústria, como até mesmo em ambientes de trabalho mais sofisticados. Além disso, os ruídos e mudanças de temperatura também influem negativamente neste processo.

Atualmente várias empresas já buscam a melhoria da qualidade do trabalho dos empregados e já estabelecem uma série de programas como forma de incentivar a saúde do trabalhador. Nas grandes capitais e áreas mais industrializadas, o empresariado está investindo neste programas, como também, em estudos sobre as vantagens da ergonomia para a melhoria da produção nas empresas.

 

Dicas:

Siga estes conselhos para uma boa postura ao usar um computador:

1 - Manter o topo da tela ano nível dos olhos e distante de um comprimento do braço;

2 - Manter a cabeça e pescoço em posição reta, ombros e braços relaxados;

3 - Manter a região lombar (as costas) apoiada no encosto da cadeira ou em um suporte para as costas;

4 - Manter o antebraço, punhos e mãos em linha reta (posição neutra do punho) em relação ao teclado;

5 - Manter o cotovelo junto ao corpo;

6 - Manter um espaço entre a dobra do joelho e a extremidade final da cadeira. Manter ângulo igual ou superior a 30 graus para as dobras dos joelhos e do quadril;

7 - Manter os pés apoiados no chão ou quando recomendado, usar descanso para os pés.